Wireless no GNU/Linux [Parte 2]

Nessa segunda parte falarei sobre como resolví o problema com a placa wireless em meu notebook.

Muitas distribuições atuais, como a Ubuntu, Kurumin, Mandriva entre outras, disponibilizam diferentes ferramentas que facilitam a identificação e configuração das placas de rede wireless, mas se este artigo lhe interessou então provavelmente você não as tem disponíveis.

Vale ressaltar também que o modelo de notebook que adquiri foi um HP DV6110BR, portanto as informações a seguir somente lhe servirão se possuir um notebook de modelo igual ou que tenha uma placa wireless minipci da Broadcom. Ela geralmente será listada como uma Dell. Além disso a distribuição que utilizo no momento é a Slackware Linux 12.0, como a filosofia dessa distribuição é mantê-la o mais simples possível não dispomos de ferramentas que façam a identificação e configuração automáticas das placas wireless, ficando isso a cargo do usuário.

Para sabermos com certeza devemos consultar o hardware para confirmar se este é compatível com o modelo comentado acima. Se for uma Broadcom é bem provável que seja da série 43XX. Para verificar usamos o comando visto no artigo anterior, que lista o hardware disponível nos slots PCI:

# lspci

Localize a linha referente à placa. Caso o retorno seja positivo para uma Broadcom, e você utilize uma distribuição com kernel da série 2.6 como a que uso, então metade do trabalho já esta feito. Isso porque o kernel desta série em diante já suporta nativamente essa série de placas, através do módulo BCM 43XX. O que nos falta é instalar o firmware para que o sistema possa controlá-la.

Para essa instalação precisamos além do próprio firmware, o que utilizei pode ser encontrado nesse link, de um outro software livre que realize essa operação. Esse programa é chamado de Bcm43xx_fwcutter.

Após seu download e instalação, que vai depender do tipo de pacote de que sua distro necessite, devemos utilizá-lo para que realize a instalação do firmware através do comando:

# bcm43xx_fwcutter arquivo_firmware

Com isso ele extrairá os arquivos necessários do firmware, instalando-os no diretório padrão e placa estará disponível ao controle do sistema operacional, bastando agora que seja configurada.

Para isso você pode utilizar uma ferramenta gráfica como o Kwlan ou configurá-la via terminal, como visto na primeira parte deste artigo quando configurei meu desktop. Relembrando:

Caso desejemos inserir as configurações “na mão”, usando o terminal, devemos fazer o seguinte:

1)Scannear as redes disponíveis com o comando:

# iwlist wlan0 scanning

Isto vai mostrar as redes disponíveis ao alcance e as informações de cada uma delas. Então, leia as informações correspondentes à sua rede e complete o comando abaixo:

# iwconfig wlan0 essid “nome_da_sua_rede” key “chave_de_criptografia” channel x

Todos os dados a serem inseridos acima são mostrados no retorno do comando iwlist, com excessão é claro da chave de criptografia. Verifique no seu caso quais são esses dados e insira-os complementando o comando iwconfig, caso contrário você não conseguirá acessar sua rede.

2)Depois de scannear, vamos subir a rede com os comandos:

# ifconfig wlan0 ip.dessa.máquina/máscara.dessa.máquina up

# route add wlan0

# route add default gw ip.do.meu.gateway

# echo “nameserver ip.do.meu.dns” >> /etc/resolv.conf

Se for utilizar o recurso de DHCP não precisa desses acima, basta um:

# dhcpcd wlan0

E pronto, estará configurada!

Você pode automatizar o processo, fazendo o seguinte:

# echo “/sbin/modprobe ndiswrapper” >> /etc/rc.d/rc.modules

# vi /etc/rc.d/rc.local

( e inserir as linhas: )

iwconfig wlan0 essid “nome_da_sua_rede” key “chave_da_sua_rede” channel x

ifconfig wlan0 ip.dessa.máquina/máscara.dessa.máquina up

route add wlan0

route add default gw ip.do.meu.gateway

ou, para o caso de usuários de DHCP, inserir somente:

iwconfig wlan0 essid “nome_da_sua_rede” key “chave_da_sua_rede” channel x

dhcpd wlan0

Salve o arquivo com Esc, Ctrl+x e pronto, assim toda vez que iniciar já irá conectar.

No meu caso isso foi suficiente, mas se o retorno recebido para o comando de instalação do driver não contiver informação semelhante ao retorno ( driver installed. hardware(ou device) present ), então algo de errado deve ter ocorrido. Ou o driver não foi reconhecido, e acusará a mensagem de invalid driver!, ou sua placa pode estar mal conectada ou não estar sendo reconhecida. Em quaisquer dos casos você pode tentar um driver diferente, recomendo os que estejam na pasta Win XP ou Win 2000, ou executar o comando:

# lspci

Este comando lista o hardware disponível nos slots PCI, assim verá se sua placa de rede wireless será listada ocupando um deles.

Caso nada disso dê certo recomendo então acessar este tutorial mais detalhado do Guia do Hardware que, além da instalação do NDISwrapper, fala também sobre programas e procedimentos diferentes caso o modelo de sua placa não seja o mesmo que o meu.

E isso é tudo pessoal. Espero que minha contribuição, com esses dois artigos, venha a ajudar mais pessoas a navegarem pela internet via wireless usando softwares livres. Até mais!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s