Algumas perguntas permanecerão… Pelo menos até o próximo ano

Após o meu post recente sobre os iDG’s, me foi mostrado onde havia sido publicada a notícia original no Computerwold e no qual o iDG Brasil se baseou para publicar sua notícia, que trás uma visão completamente diferente da que havia sido publicada anteriormente. Mas descobri depois que o editor também é diferente do qual havia sido atribuído antes a notícia, autoria esta que foi retificada depois pelo IDG Brasil, como pode ser visto pela atualização realizada na página. Daí as visões diferentes da mesma notícia e a confusão em minha cabeça. 🙂

Achei melhor então procurar por entrevistas do responsável pelo ataque ao Vista, já que no primeiro artigo consta a opinião do invasor do Mac, que declarou que o escolheu por achá-lo mais fácil, ao invés de tentar descobrir quem estaria com a razão entre os dois editores do Computerworld. O resultado pode ser visto no link do Yahoo News:

http://news.yahoo.com/s/infoworld/20080402/tc_infoworld/97121

Na reportagem, que trata inicialmente da tentativa frustrada do invasor de vender o laptop ganho no Ebay ainda com o código utilizado na invasão, ele concede uma pequena entrevista que revela maiores detalhes a respeito de sua decisão de invadir o Vista e seus planos para o próximo concurso.

IDGNS: You said earlier that this flaw would work on 90 percent of systems out there. Why target Vista?

Macaulay: I had just done a lot of my work in the past on Windows. I’m a very avid Linux users, but I haven’t been working on Linux exploits since 2001. I’m really good at the Windows platform right now because that’s where I’ve been focusing all my attention for almost a decade. To go back to Linux now would be too much of a learning experience.

Tradução:

IDGNS: Você disse anteriormente que essa falha poderia funcionar em 90 porcento dos sistemas aí fora. Por que o Vista foi o alvo?

Macaulay: Muito do meu trabalho no passado eu realizei no Windows. Eu sou um usuário Linux muito ávido, mas não tenho trabalhado em exploits para Linux desde 2001. Atualmente eu sou realmente bom na plataforma Windows porque é nisso que tenho focado toda a minha atenção por quase uma década. Para voltar ao Linux agora poderia ser muito mais que um aprendizado.

IDGNS: A lot has been made of this contest by fans of different operating systems. What would you take away from this?

Macaulay: People want to believe that they’re right about what they’re using. They’re very much attached to it and they use it every day, and they really want to believe that they’re doing the right thing. There’s no difference in my mind between any of them.

IDGNS: Muito tem sido feito desse desafio por fãs de sistemas operacionais diferentes. O que você pode tirar disso?

Macaulay: As pessoas querem acreditar que estão certas a respeito do que estão usando. Elas são muito apegadas a eles e utilizam todos os dias, e realmente querem acreditar estão fazendo a coisa certa. A meu ver não há diferença entre nenhum deles.

IDGNS: Are you going to enter the contest next year?

Macaulay: Yeah, get the trifecta going on. I’ve already got a number of things probably that I could use.

IDGS: Você participará do concurso no ano que vem?

Macaulay: Sim, pús o trifecta a caminho. Eu já tenho um número de coisas que provavelmente poderia usar.

IDGNS: What operating system will you target?

Macaulay: Maybe Linux, just for fun.

IDGNS: Qual sistema operacional será o alvo?

Macaulay: Talvez o Linux, só por diversão.

Acho que para vermos quem estava com razão teremos de esperar até o ano que vem… 🙂

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s