Férias, má sorte, software livre mais “pesado” e afins…

Olá pessoal! Quanto tempo não é mesmo? É, tirei umas férias digitais e basicamente estava só respondendo e-mails ou comentários aqui no blog, até que a tecnologia se revoltou contra a minha preguiça e enviou uma maré de má sorte tecnológica para me despertar do torpor que tomara conta de meus dias.🙂

Primeiro foi meu celular que deu a louca e funcionava na gaveta, mesmo tendo sido desligado previamente, mas quando o colocava no bolso e verificava posteriormente via que estava desligado. Em seguida foi meu notebook, que estava ( é, estava ) executando com maestria o Slackware Current, quem resolveu pirar e de uma hora para outra parou de funcionar. Havia o ligado para jogar mas decidi fazer algumas modificações no gerenciador de login e, após realizá-las, ao invés de simplesmente encerrar a sessão mandei por engano que reiniciasse, e é o que ele tem feito agora. Aliás é só isso que ele faz agora. Ligo, ele acende todas as luzes indicadoras, não realiza post e reinicia. É ou não é uma revolta tecnológica?

No mais isso me obrigou a voltar minha atenção para meu antigo desktop. Ele já estava executando o Slackware 13.0 mas mesmo assim minha filha não estava satisfeita e pediu que o atualizasse para o Current. Claro que já havia comentado que iria fazê-lo mas até o momento não havia posto em prática. Após atualizá-lo com o Slackpkg notei que mesmo antes não havia instalado o driver proprietário da ATI, para a minha já sofrida X 1600, e resolvi baixá-lo para instalar. Download concluído mas instalação não realizada. Infelizmente o suporte oficial à minha placa de vídeo cessou em fevereiro de 2009, ou seja, não há mais compatibilidade entre este último driver lançado e o atual Kernel ou Xorg instalados no Slackware.

Tentei algumas dicas que o pessoal disponibilizou no Wiki não-oficial da ATI mas todos sem sucesso, inclusive a criação de um slackbuild. Claro que a execução do Slackware não estava sendo comprometida com a utilização do driver aberto, mas se quisesse voltar a jogar especificamente aquele jogo precisaria da aceleração 3D da placa. Além disso havia desconfiado de que fosse devido a isso que algumas páginas na net não eram abertas quando acessava a internet lá em casa, especificamente este blog e o Orkut. Mas isso não deveria ter nada a ver não é mesmo? E realmente não tem.

Infelizmente o desenvolvimento de software não leva em consideração a depreciação de hardware, e vemos montes de computadores sendo descartados de forma incorreta todos os anos. Isso ocorre pois nem sempre essas máquinas tem o aproveitamento realizado ou mesmo possível. No meu caso o desktop citado foi montado em 2001 e já se vão mais de nove anos de utilização satisfatória, ininterrupta e sem problemas com necessidades não supridas. Claro que havia feito alguns upgrades na época mas nada assim tão dispendioso. Para que tenha uma idéia, até ontem eu ainda tinha nele só 512 Mb de RAM. Nem lembro mais quando foi que coloquei nele essa placa de vídeo de 512 Mb, que veio a substituir a antiga de 64 Mb.

Com isso esta máquina esta realmente velha, mas ainda era utilizada de forma normal para tudo. As excessões começaram a aparecer somente agora. Duas páginas na net e um jogo formam a excessão, pelo menos até o momento. Um por conta do fabricante, que não mais atualiza o driver para a X 1600, e outro por conta da própria evolução dos softwares satélites ao sistema operacional. Notei que regredindo as versões do Firefox as páginas voltaram a ser exibidas, o que implica que embora muito mais rápida, a versão atual não é mais tão ajustável ao meu hardware antigo. Achei que um Athlon XP de 1.2 Ghz fosse aguentar mais um pouco.

Mas essa manutenção agora vai ter de ser feita. Não importa se com software livre eu ainda pudesse utilizar esta mesma configuração por anos a fio, devido à falta de suporte do fabricante a placa de vídeo não está executando mais com plena capacidade, pelo menos eu não consegui jogar mesmo ela estando no site como sendo compatível com os requerimentos do jogo. Dai vou ter de provavelmente trocá-la, coisa que não seria necessária se o suporte a ela fosse mantido pela fabricante. Mas esse não é o interesse do mercado, que é movido a dinheiro, e portanto um upgrade desnecessário terá de ser feito. Ou o jogo deixado de lado.

Também vou ter de pensar no assunto do browser, se o troco por outro mais leve ou se atualizo mais componentes de hardware. Não posso ficar usando navegadores depreciados e sujeitos a falhas de segurança. Vamos ver no que dá, afinal o ano está apenas começando e eu já estava com saudades disso tudo. Exceto dos problemas é claro. Abraços a todos!🙂

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s